mandoisland + bandolim   40

SÁVIO COUTO | LUTHIER
Oferecemos duas linhas de bandolins, a linha Top Line e a linha médio. O bandolim Sávio Couto é feito no modelo “Jacob” com escala em dois tamanhos: 32 e 34 cm. Estas medidas são as distâncias do cavalete ao capotrasto.
instrumentenbau  bandolim 
september 2014 by mandoisland
» Bandolim Carlos Barros Luthier
Nossa História

Carlos Antonio De Sousa Barros ou simplesmente Carlos Barros, nascido em 1964 na cidade de Socorro de Piauí.

Por volta de 1989 foi trabalhar na fabrica Giannini onde veio conhecer João Batista com quem trabalhou durante um ano.

Em1990 João Batista o convidou para trabalhar em sua empresa, foi aonde aprendeu a fazer e gostar de instrumentos musicais, e trabalhou lá por 15 anos.
instrumentenbau  bandolim 
september 2014 by mandoisland
Bandolim | Elifas Santana - Luthier
Bandolim

Assim como seu Osmar não registrou o trio elétrico, o pau elétrico e a Guitarra Baiana, Armandinho não registrou a criação do bandolim de 10 cordas, uma idéia genial, que chegou a ser executada por Jorge de Itacaranha (um grande luthier baiano). Hoje esse instrumento está popularizado e o crédito não é de Armandinho.
instrumentenbau  bandolim 
september 2014 by mandoisland
Pedro Santos (Luthier)
Pedro santos, nasceu em 1966, na fazenda Curral de Varas, Município da cidade de Guanambi. Mudou-se para Guanambi em 1982.

Incentivado pela arte de trabalhar com madeira e tocar viola, decidiu fabricar seu primeiro instrumento, isso por volta do ano de 1990. No começo teve muitas dificuldades para iniciar o trabalho, pois não havia informação disponível, só depois de muita mão de obra e desperdício de madeira conseguiu montar a primeira viola. Viola esta que apresentava muitas imperfeições, mas, pra começar já estava muito bom.

"Cheguei a fazer mais alguns violões, e com isso descobri que a arte exigia muito mais conhecimento do que eu imaginava, e por conta disso fiquei desanimado e parei com o trabalho por alguns anos, até que um dia eu me deparei com um livro: Toque - Curso completo de violão e guitarra da Rio Gráfica edição de 1982, onde encontrei muitas informações sobre a construção do violão. Foi então que me convenci de que eu teria condição de continuar a arte de fazer violões. Comecei a recolher madeiras, reiniciei o trabalho e cada vez mais pesquisando tudo sobre a feitura do instrumento, tudo foi se encaixando até que eu consegui um bom resultado no meu trabalho. Desta forma, a repercussão do trabalho foi crescendo localmente entre amigos, músicos regionais, até alcançar veículos de comunicação maiores, como jornal "A tarde" de Salvador, TVE de Salvador e pelo programa Na carona da TV Bahia, que foi exibido no dia 27/08/2005 às 9:00h. Depois disso, Pedro Santos tem participado de muitos outros eventos no meio artístico, os quais não foram aqui mencionados.
bandolim  instrumentenbau  Brasilien 
september 2014 by mandoisland
Irmãos Vitale - BANDEIRANTES - VIOLÃO-TENOR, BANDOLIM E BANJO
BANDEIRANTES
MÉTODO PARA VIOLÃO TENOR, BANDOLIM E BANJO Annibal Sardinha ( Garoto )
O violão tenor é um instrumento de origem americana cujo nome original é Triolin. No Brasil, foi batizado e lançado por Garoto, em 1933, com o nome de violão tenor. Este instrumento mostrou-se de grande utilidade em conjutos regionais, tanto para solo como para acompanhamento. Como o banjo tem a mesma afinação do violão tenor, este método serve para os dois instrumentos e, também, para o bandolim, que segue a mesma seqüência de intervalos em sua afinação, diferindo apenas na altura.
mandolinenschule  bandolim  Brasilien 
april 2014 by mandoisland
Danilo Brito - Site Oficial
Danilo Brito is one of the best bandolim players
choro  bandolim 
september 2012 by mandoisland
Jacob do Bandolim
PARTITURAS
http://www.jacobdobandolim.com.br/partituras.html

Ameno Resedá ( Ernesto Nazareth) errata do álbum

Obs: Ocorreu, na primeira edição do álbum Tocando com Jacob, uma troca de páginas, referente à partitura em C, do choro Ameno Resedá (do Cd Chorinhos e Chorões). Na segunda edição, esse erro já foi corrigido.

De Coração a coração (Jacob)

Heróica (Jacob)

Jamais (Jacob e Luiz Bittencourt)

Prá Você (Jacob)

Ternura (Jacob)
noten  choro  bandolim 
september 2012 by mandoisland
Vergilio Lima Luthier
"Desde 1978 me dedico à construção de Instrumentos acústicos artesanais de qualidade em tempo integral. Empregando madeiras nobres envelhecidas e técnicas sempre atualizadas. Precisão de afinação e sonoridade bem definida aliados à facilidade de execução e o cuidado estético são meus objetivos."
.
Vergilio Lima
instrumentenbau  bandolim 
september 2012 by mandoisland
Cliquemusic : Artista : Joel Nascimento
Joel Nascimento nascimento 13/10/1937
Na infância e adolescência estudou cavaquinho, piano e acordeom, e mais tarde chegou a fundar um grupo para tocar em bailes, o Joel e Seu Ritmo. No início da década de 60 abandonou a música e fez um curso de técnica radiológica, passando a trabalhar em hospitais. Em torno de 1969, por intermédio do irmão, voltou a freqüentar rodas de choro, ganhou um bandolim de presente e pôs-se a estudar o instrumento. Disposto e executar a suíte "Retratos", composta por Radamés Gnattali para Jacob do Bandolim, foi falar com o compositor, que o encorajou. Depois de meses de estudo, executou a suíte, acompanhado pelo autor. A partir de então começou a participar de gravações, tornando-se um dos bandolinistas mais requisitados pelos intérpretes. Seu primeiro disco solo, "Chorando pelos Dedos", foi lançado em 1975. Participou da formação original da Camerata Carioca e aos poucos foi se livrando do padrão instituído por Jacob do Bandolim para a execução no instrumento. Intérprete menos rígido que Jacob, famoso por sua capacidade de improvisar, Joel tocou ao lado do guitarrista inglês John McLaughin, do flamenco Paco de Lucia, de Raphael Rabello e Artur Moreira Lima, excursionando por diversos países e angariando prêmios de melhor instrumentista. Tem discos lançados no Japão e é autor de composições como "Meu Sonho" e "Sorriso de Criança".
choro  bandolim 
september 2012 by mandoisland
Choro Music: Marco de Pinna - Ginga de um Bandolim
Master of the bandolim and tenor-guitar, Marco de Pinna was one of the founders of the group "Nó em Pingo D'água" in 1977. He recorded his first LP in 1985 which featured guest appearances by Radamés Gnattali and Orlando Silveira.
Since 1997, Marco has been teaching in the Brazilian music course "California Brazil Summer Camp", in San Francisco (USA). In 1999 he participated in the CD "Velha Guarda da Mangueira", indicated for the Grammy 2000 Premium, and in the soundtrack to director Zelito Viana's film "Villa Lobos: A Life of Passion".
choro  bandolim 
september 2012 by mandoisland
Marco de Pinna - Myspace
Bio:
MARCO DE PINNA
Professor, Diretor, Compositor, Arranjador, Solista, Bandolinista, Compositor e Multiinstrumentista. Formado em Composição e Regência pela Universidade Estácio de Sá, RJ. Verbete do Dicionário Houaiss de Música Popular Brasileira de Ricardo Cravo Albin(http://www.dicionariompb.com.br). Foi um dos fundadores do Nó em Pingo D'água em 1977. Em 1980 formou o conjunto Vibrações, com o qual se apresentou em vários shows. Atuou ao final da década de 1990 como professor e orientador de música popular brasileira na costa Oeste dos Estados Unidos, onde promoveu workshops e recitais, especialmente de choro Mestre do bandolim e violão-tenor; toca também violão, cavaquinho, banjo e teclado básico. Marco foi um dos fundadores do conj
choro  bandolim 
september 2012 by mandoisland
RIUnB: Tradição e inovação na prática do bandolim brasileiro
Dissertation von Jorge Cardoso
ABSTRACT
This research deals with the historical, social and technical aspects that influenced the development and consolidation of a school, the "Brazilian Mandolin Practice." The research, motivated by the author's professional activity as a composer and musician, aims at learning upon the activities that led to the structuring of this musical practice as well as the social, historical and musical relations that have supported it as a cultural proctice. Centred on the concept of tradition, the analysis stems from documental body compiled from printed, sound and audio-visual sources, as well as accounts of mandolin plays. This is a study on the definition and history of the mandolim through historical research and the instruments organological ancestors, from its origins in Europe to its use in Brazil, as inherited from Portugal and Spain. It discusses the role of its features and musical practices, the importance of the musical practice of instrumentalist such as Jacob do Bandolim, among other aspects.
bandolim  mandoline  Brasilien 
august 2012 by mandoisland
Partituras | bandolim.net
Aleh Ferreira
Homenagem ao Altamiro
Mozartiando
Ternura
Tristezas de um violoncelo

Fred Monteiro
Tatiana (bandolim)
Tatiana (arranjo M. Duda)

Jorge Cardoso
Balançadinho
Minha Terra

Marco de Pinna
Ginga de um bandolim
Sempre Radamés

Paulo Sá
Miguel


Rodrigo Lessa e Eduardo Neves
Pagode Jazz Sardinha's Club
noten  choro  bandolim 
june 2012 by mandoisland
Edu Miranda
EDU MIRANDA é um nome incontornável da música portuguesa e brasileira, com um percurso de já 22 anos.

Discreto, e nem sempre com grande visibilidade da parte dos media, o seu trabalho sempre foi valorizado por grandes nomes da música com quem conta com diversos trabalhos editados e em colaboração, tais como: Gilberto Gil, Mário Laginha, Maria João, Martinho da Vila, Filipa Pais, Pedro Jóia, João Afonso, Rui Veloso, André Sardet, Luís Represas, Isabel Silvestre, Real Companhia, Danças Ocultas e Amina Alaoui, além do trabalho que desenvolveu durante vários anos com o grande mestre da guitarra portuguesa António Chainho.

Seus CDs,Fado de Longe e Fado de Longe2, misturam as belas melodias dos fados com sonoridades e ritmos quentes do Brasil, contando com a colaboração de Tuniko Goulart (violão e synth) e Giovani Goulart (bateria, percussão e acordeão).
bandolim  choro 
march 2010 by mandoisland
Del Vecchio
"Casa Del Vecchio"

Fundada em 1902 por imigrantes sicilianos, meus avos, que trouxeram a arte e a experiência italiana na fabricação de instrumentos musicais de cordas, dedicando toda sua existência na estruturação da marca "Del Vecchio", que sempre foi símbolo de qualidade e sonoridade. Atualmente, a empresa é conduzida por mim Angelo Del Vecchio, a terceira geração familiar.
instrumentenbau  bandolim  brasilianische_musik 
october 2009 by mandoisland
bandolim.net
Brasilianische Homepage über die Bandolim mit Informationen und auch einigen Noten zum Download
choro  brasilianische_musik  noten  bandolim 
october 2009 by mandoisland
Kalango
Instrumente, Bücher, Noten, Filme aus Brasilien
brasilianische_musik  cavaquinho  bandolim  pandeiro  noten 
march 2009 by mandoisland
João Batista - Luthier
João Batista Trajano dos Santos, mentor e dono da famosa marca JB. Mestre na arte de fabricar instrumentos musicais, sua marca já é conhecida e respeitada no exigente mercado nacional e até internacional.

Nascido em 1954 na cidade de Caaporã, que fica a 50 Km de João Pessoa, em 1974 veio para São Paulo onde trabalhou na fábrica da Giannini permanecendo por 15 anos. Trabalhava paralelamente na fábrica e em casa, optando depois pelo trabalho por conta, vindo a sair da fábrica.

Suas matérias primas vem dos Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Japão, Índia, entre outros. Entre as matéias utilizadas, as preferidas são as clássicas como Jacarandá da Bahia, Abeto Europeu e Ébano Indiano, climatizados tecnicamente, e consideradas as melhores do mundo.

Já teve o privilégio de exportar os seus produtos para a Alemanha, Estados Unidos, Japão, Portugal, Peru, África, Itália e Inglaterra sendo conhecido nos quatro cantos do Mundo.
instrumentenbau  Gitarre  bandolim 
march 2008 by mandoisland
Mandolin World
Blog aus Brasilien über Mandoline, Bandolim, Choro
choro  blog  mandoline  bandolim 
december 2007 by mandoisland
Luthier Barros
Antônio Maurício Barros nasceu na cidade de Senador Firmino, no estado de Minas Gerais, em 27 de novembro de 1945. Filho de marceneiro e neto de luthier, Barros começou muito cedo a trabalhar na marcenaria do pai, seguindo a profissão da família.

Não satisfeito permaneceu como marceneiro até o ano de 1964 quando veio para o Rio de Janeiro, prestar o serviço militar. No exército, Barros aprendeu a profissão de mecânico, que era seu sonho. Anos mais tarde veio a ser funileiro de automóveis, atividade que exerceu por 25 anos.
instrumentenbau  bandolim 
december 2007 by mandoisland

Copy this bookmark:



description:


tags: